Feirinha

Feirinha

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Antônia Fontenelle chora na saída de Fórum: 'Foi uma vitória moral'

Atriz comemorou o reconhecimento de sua união estável com Marcos Paulo, morto em 2012.

 
Antonia Fontenelle na porta do Fórum (Foto: Marcello Sá Barretto/AgNews)
Antonia Fontenelle chora na porta do Fórum (Foto: Marcello Sá Barretto/AgNews)
 
 
 
Na manhã desta quarta-feira, 9, Antônia Fontenelle foi fotografada emocionada e chorando na porta do Fórum, no Centro do Rio. A atriz comemorava a vitória no imbróglio pelo reconhecimento da sua união estável com Marcos Paulo e, consequentemente, participar da divisão de herança do diretor. "Foi uma vitória moral", se limitou a dizer quando procurada pelo EGO.
O advogado da atriz, Adaílton Rodrigues, explicou a decisão judicial: "Como se trata de um processo que corre em segredo de Justiça não posso dar maiores detalhes. Vou apenas esclarecer que o tribunal, hoje, reconheceu a condição de herdeira de Antônia Fontenelle no inventário deixado por Marcos Paulo em virtude dos sete anos de união estável pública e notória dos dois. Eventualmente as demais questão que possam envolver os direitos patrimoniais de Antônia serão decididas no processo de inventário".
Na última quarta-feira, 2, Antônia esteve pela primeira vez no Fórum de Justiça para a primeira audiência sobre o assunto. mas foi adiada por causa de um príncipio de incêndio no prédio localizado no Centro da cidade. Em seu Twitter, Antônia comentou o incidente com bom humor: "Quando penso que vi tudo... Fogo!". Sobre a disputa pelos bens, comentou: "Como nada na minha vida é por um acaso, acredito na intervenção divina. Confio em Deus e acredito na justiça dos homens".


Antonia Fontenelle na porta do Fórum (Foto: Marcello Sá Barretto/AgNews)
Antonia Fontenelle na porta do Fórum
(Foto: Marcello Sá Barretto/AgNews)



As filhas do ator e diretor, Vanessa, do relacionamento com a modelo Tina Serina, Mariana, do casamento com Renata Sorrah, e Giulia, da união com Flávia Alessandra e representada pela mãe no processo por ser menor de idade, brigam na Justiça por não reconhecerem o direito de Antônia.
 
Marcos Paulo deixou um testamento beneficiando apenas suas filhas, porém, antes de morrer, fez uma carta de próprio punho deixando 60% de seu dinheiro aplicado em investimentos, previdência e o valor disponível em conta bancária para a mulher.
Em outubro do ano passado, a juíza Maria Cristina de Brito Lima, da 1ª Vara de Família da Barra da Tijuca, no Rio, concluiu que a atriz não tem direito à partilha de bens do diretor. Entretanto, cabia recurso e Antônia recorreu.
Marcos Paulo morreu no dia 11 de novembro de 2012, vítima de uma embolia pulmonar. Em agosto ele havia passado por cirurgia para remover um tumor no esôfago após um diagnóstico de câncer em maio.
 
 
ego.com
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário