REFAZ 2017

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Prefeitura inaugura primeira unidade especializada em Neurocirurgia

 
A implantação desta unidade exclusiva de neurocirurgia vai melhorar o atendimento prestado à população e desafogar os Socorrões
 
 
 
 
O prefeito Edivaldo Júnior inaugurou neste sábado (28) a primeira unidade especializada em Neurocirurgia da rede municipal de saúde, no Hospital da Mulher. Acompanhado da secretária de Saúde, Helena Duailibe, ele também abriu o “Dia D” da vacinação contra gripe no Centro de Saúde Yves Parga, na Vila Maranhão, e estendeu a agenda de avanços na saúde entregando à comunidade o Laboratório de Análises Clínicas do Centro de Saúde Yves Parga.
 
“Esse é um momento importante com mais um avanço na área da saúde. A implantação desta unidade exclusiva de neurocirurgia vai melhorar o atendimento prestado à população e desafogar os Socorrões, além de mantermos todas as especialidades já disponibilizadas para as mulheres no hospital. Enfim. é mais um passo de muitos que temos dado na concretização de medidas efetivas para a melhor gestão da saúde de nossa cidade”, disse Edivaldo Júnior. 
 
O atendimento especializado e de alta complexidade em Neurocirurgia conta com quatro salas de enfermaria e 11 leitos, além de cinco leitos de unidade de cuidados intermediários e centro cirúrgico. Equipamentos modernos e ambiente totalmente climatizado garantem o conforto e a segurança dos pacientes.
 
Helena Duailibe acredita que a ação trará resultados em curto prazo. “Estamos inaugurando hoje o serviço de neurocirurgia de alta complexidade no Hospital da Mulher para tirar os pacientes com aneurisma, tumores cerebrais, traumatismo raquimedulares dos Socorrões, ampliando nossa rede de retaguarda”, destacou a secretária Helena. Ela destacou também as parcerias com a Santa Casa e Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão na abertura de leitos de retaguarda.
 
LABORATÓRIO
 
Na Vila Maranhão, Edivaldo Júnior reinaugurou o Laboratório de Análises Clínicas do Centro de Saúde Yves Parga. Com a entrega da nova estrutura, o laboratório vai atender até 160 pessoas por dia e receberá a demanda do Laboratório Central. O Centro de Saúde Yves Parga oferecerá exames clínicos de sangue, urina, fezes e glicemia, além de nebulização, clínica geral, imunização, aferição de pressão e odontologia com limpeza, extração e obturação.
 
O centro, localizado na zona rural de São Luís, atende ao menos oito comunidades, como Vila Maranhão, Alto Bonito, Sitinho, Sítio São Benedito, Taim, Limoeiro, entre outros.
 
A secretária Helena Duailibe entende o Laboratório do centro Yves Parga como mais um passo no avanço da melhoria dos serviços da saúde ofertada pelo município pela facilitação do acesso. “As pessoas vão poder coletar o material perto de sua casa para realizar exames. Esse é um avanço muito importante na reorganização do sistema de saúde, principalmente, na atenção primária”, orientou Duailibe. “Trata-se de uma população que necessita de serviços como este e isso passará a ser feito com maior agilidade e rapidez”, acrescentou o diretor do centro de saúde, Firmino Cunha.
 
Durante esta primeira semana os servidores do centro passarão por cursos de capacitação. Nos casos em que os exames não sejam disponíveis, serão encaminhados pela a Central de Marcação de Consultas (Cemarc).
 
VACINAÇÃO
 
No “Dia D” da vacinação contra gripe, o prefeito conclamou os pais, mães e pessoas de grupos específicos da cobertura para procurar os postos de vacinação e garantiu que há vacinas suficientes para cobrir a meta do Ministério da Saúde. A meta da vacinação em São Luís é imunizar contra a H1N1, 205.893 pessoas.
 
A campanha de vacinação, iniciada no dia 22 de abril, se estenderá até o dia 9 de maio. No “Dia D”, a Semus instalou 225 postos de vacinação no município de São Luís, incluindo shoppings, terminais rodoviários, escolas e em pontos abertos em parcerias que se dispuseram a colaborar com o alcance da meta. Até o término da campanha, 66 postos estarão funcionando regularmente durante a semana, das 8h às 12h, e das 14h às 18h.
 
“Esse é a saúde que nós queremos. É a saúde preventiva que precisa ser cada vez mais incentivada. Esse é um passo importante hoje porque sabemos que a vacinação contra gripe é importantíssima para evitar pneumonia e hospitalização”, ressaltou a secretária Helena Duailibe.
Pela terceira vez Antonia Severa Oliveira, 64 anos, moradora do Sitinho, procurou o Centro de Saúde Yves Parga para se imunizar contra a gripe H1N1. “Todo ano eu tomo e nunca fico gripada”, exaltou Antonia.
 
Também acompanharam o prefeito nas solenidades o secretário Robson Paz (Comunicação), o presidente do Impur, Luiz Carlos Borralho, as diretoras do Hospital da Mulher, Natália Ribeiro Mandarino e Francisca Supero Duarte, o ex-prefeito de Paço do Lumiar, Raimundo Filho, os vereadores Osmar Filho (PSB), Edmilson Jansen (PTC), Manoel Rêgo (PTdoB) e Josué Pinheiro (PSDC), além do vereador luminense Miau (PCdoB).
 
 
 
 
 
Prefeitura de São Luís

Nenhum comentário:

Postar um comentário