Limpeza

Limpeza

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Traficante Nem deve ser transferido para Campo Grande no sábado

Justiça Federal autorizou ida de ex-chefe-do tráfico da Rocinha para presídio de segurança máxima. Governo do Rio aguarda adesão do bandido ao mecanismo de delação premiada




Nem, o traficante que desafiava a polícia do Rio e a Justiça, é conduzido para o blindado 'Caveirão', da PM, para ser levado para o presído de Bangu 1
Nem, o traficante que desafiava a polícia do Rio e a Justiça, é conduzido para o blindado 'Caveirão', da PM, para ser levado para o presído de Bangu 1 (Paulo Araújo/AG.ODia)


O traficante que impôs o terror à favela da Rocinha e comandou crimes na zona sul do Rio deve ser transferido para Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, no sábado. A informação é do Tribunal de Justiça do Rio, que anunciou na manhã desta sexta-feira que Antônio Francisco Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem, teve a transferência autorizada pela Justiça Federal.

O Presídio Federal de Segurança Máxima de Campo Grande deve receber também Anderson Rosa Mendonça, o Coelho, Valquir Garcia dos Santos, o Carré, e o traficante conhecido como Flácio, presos na última quarta-feira. Nem foi capturado na madrugada de quinta-feira, quando tentava fugir escondido no porta-malas do carro de um de seus advogados. Os quatro serão transportados em avião da Polícia Federal.

A expectativa da cúpula da segurança no estado é por um pedido de Nem para aderir ao mecanismo da delação premiada. O traficante manteve sua estrutura de poder na favela graças a um esquema de corrupção que fazia pagamentos fixos a policiais. O objetivo é fazer com que Nem entregue os nomes dos policiais corruptos e, com isso, obtenha redução de pena.

Fonte: veja.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário